Nota de Esclarecimento

São Paulo, 20 de novembro de 2018.

A SGW Services, surpreendida com a veiculação nas redes sociais de vídeos difamatórios e caluniosos relacionados a sua participação na CPI instaurada na ALEPA (Assembleia Legislativa do PA), ainda em andamento, para a apuração de acidente ambiental ocorrido em decorrência do “suposto” rompimento e transbordamento dos depósitos de resíduos de bauxita da Hydro Alunorte, vem ESCLARECER aos seus clientes, fornecedores e a quem mais possa interessar,  que:

A SGW Services é uma consultoria ambiental com mais de 13 anos de atuação especializada em licenciamento, auditoria, engenharia, diagnóstico e remediação de áreas degradadas. Formada por uma equipe multidisciplinar de profissionais com sólido conhecimento técnico e ampla experiência em mais de 1.400 projetos no Brasil e América Latina, atua nos mais diversos setores da economia, auxiliando indústrias, empresas e organizações a lidarem com suas questões ambientais de forma eficiente, sustentável, transparente e responsável. Além disso é importante registrar que a SGW é acreditada pela ABNT NBR ISSO/IEC 17.025, para amostragem de águas subterrâneas, águas superficiais e efluentes líquidos, em conformidade com as exigências da Resolução SMA n°100, pela Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo.

Diante de sua vasta experiência, reconhecimento do mercado e reputação perante aos órgão ambientais, a SGW Services fora contrata pela Hydro Alunorte para prestar serviços de auditoria independente com foco nos seus sistemas de gerenciamento de efluentes a fim de esclarecer se houve ou não o transbordamento e seus potenciais impactos.

Em razão disto e da instauração da CPI na ALEPA, a SGW Services fora convidada, através da Hydro Alunorte, para apresentar os trabalhos e resultados que havia feito e esclarecer tecnicamente eventuais divergências apresentadas pelos demais órgãos envolvidos na investigação do caso (Ministério Público Estadual, Instituto Evandro Chagas e Instituto de Perícias Renato Chaves). Ressalta-se que a SGW Services, em momento algum figurou na qualidade de investigada ou ré, motivo pelo qual, foi surpreendida com a veiculação dos mencionados vídeos com conteúdo ilícito.

A esse respeito, informa-se que, por serem tais vídeos difamatórios e caluniosos, com o objetivo único de desvirtuar a verdade dos fatos e denegrir o bom nome e reputação da SGW Services, as medidas judiciais cabíveis foram adotadas, sendo certo que o Judiciário já reconheceu, liminarmente, a violação de direitos da SGW, determinando a remoção dos referidos vídeos e o fornecimento de elementos que permitam a identificação dos responsáveis por referido conteúdo, os quais se escudam no aparente anonimato proporcionado pela Internet para ofender gravemente a SGW, o que não se admitirá.

Sendo o que nos cumpria para o momento, estando a inteira disposição para esclarecimentos adicionais, renovamos nossos votos de estima e consideração.

Atenciosamente,

SGW SERVICES ENGENHARIA AMBIENTAL LTDA.

DIRETORIA


Links relacionados:

Hydro e SGW apresentam resultados de estudo de avaliação ambiental independente da refinaria Alunorte.

Encerramento de Caso - Redução Química In Situ (ISCR) de Organoclorados em Condomínio Residencial.

Estudo de Caso - Remediação de área contaminada por organoclorados (PCE) e metais pesados (Chumbo).

Estudo de Caso - Remediação de Organoclorados por Barreiras Permeáveis Reativas.

Ensaio Piloto e Barreira Reativa – Redução Química In Situ (ISCR) de Organoclorados em Águas Subterrâneas.